O I SEMINÁRIO DE DETECÇÃO E PREVENÇÃO DO CÂNCER DE BOCA DO NOROESTE DE MINAS FOI UM SUCESSO

06 JUL 2017
06 de Julho de 2017


O câncer de boca, conjunto de tumores malignos que acometem a boca e parte da garganta, pode se desenvolver nos lábios, língua, céu da boca, gengiva, amígdala e glândulas salivares. No Brasil o câncer bucal é considerado um problema de saúde pública (3,8% das neoplasias). É o 4° câncer mais frequente no sexo masculino e o 7°mais frequente no sexo feminino. Entre 1979 e 1998 as taxas de mortalidade por câncer da boca variaram entre 2,16 e 2,96 para cada 100.000 homens e entre 0,48 e 0,70 para 100.000 mulheres.

 

Para debater um tema tão sério, o curso de Odontologia da FPM promoveu o I SEMINÁRIO DE DETECÇÃO E PREVENÇÃO DO CÂNCER DE BOCA DO NOROESTE DE MINAS – PATOS DE MINAS, que aconteceu entre os dias 30/06 e 01/07. Segundo o Dr. Roberto Goes, um dos coordenadores do curso de Odontologia da FPM, o objetivo do evento foi celebrar a parceria entre a FPM – Faculdade Patos de Minas e a Superintendência Regional de Saúde de Patos de Minas e garantir à população dos 22 municípios da região acesso ao serviço de prevenção de lesões de boca através de um fluxo assistencial que vai da consulta ao exame de diagnóstico histopatológico, representado pela rede SUS e Policlínica da FPM.

 

Segundo especialistas do INCA - Instituto Nacional do Câncer, o fumo e o álcool são os principais fatores de risco para o desenvolvimento do câncer da boca. Pessoas que fumam e consomem bebidas alcoólicas excessivamente têm maior risco de desenvolver o câncer de boca. O risco aumenta quanto maior for o número de cigarros e de doses de bebidas consumidos. A falta de higiene bucal e a alimentação pobre em vitaminas e minerais, principalmente em vitamina C e a exposição excessiva ao sol também aumentam o risco de desenvolvimento do câncer do lábio.

 

O exame rotineiro da boca feito por um profissional de saúde pode diagnosticar lesões no início, antes de se transformarem em câncer é muito importante. Pessoas com mais de 40 anos que fumam e bebem devem estar mais atentas e ter sua boca examinada por profissional de saúde (dentista ou médico) pelo menos uma vez ao ano.

 

Os dentistas da região também puderam realizar uma visita guiada com demonstração de caso clínico na Policlínica da FPM.

Dessa maneira, o curso de Odontologia da FPM se consolida como referência em estomatologia bucal mostrando assim sua vocação no que diz respeito à responsabilidade social.

 

Confira material produzido pela NTV sobre o evento: https://www.youtube.com/watch?v=558KiOKx8Z8

 

O Vestibular de Inverno da FPM também oferece o Curso de Odontologia. Ligue (34) 3818 2300 e informe-se!

Voltar


Enquanto Deus for o meu chão, não há quem me derrube.

Site Veja3m - Todos os direitos reservados 2011 a 2017 

Telefone: (38) 3754-3103   E-Mail:  veja3m@veja3m.com